Novo Toyota Aygo X, o citadino transforma-se em crossover

By on 5 Novembro, 2021

A Toyota decidiu continuar presente no segmento A com o Aygo, mas agora com uma carroçaria crossover e a designação Aygo X.

O Toyota Aygo chegou à sua terceira geração, mas desta vez está mais diferente que nunca. Desenvolvido em exclusivo pela Toyota, e não em parceria com a Peugeot e Citroën como acontecia anteriormente, o citadino adota uma nova designação, Aygo X, sendo a letra “X” a representação da carroçaria crossover. Ao adotar este tipo de estilo, o citadino cresce bastante face ao antecessor, muito por culpa da adoção da plataforma GA-B, a mesma utilizada no Yaris de segmento superior.

Assim, atinge 3,7 m de comprimento, mais 23,5 cm, 1,74 m de largura, mais 12,5 cm e 1,52 m de altura, mais 6,5 cm. Também superior é a distância entre eixos que é agora de 2,43 m, mais 9 cm. Ao nível de design, o Aygo X está bastante semelhante ao protótipo e, apesar de apresentar alguns detalhes do antecessor, conta agora com uma imagem mais robusta, com destaque para as jantes de 17 polegadas de série e, nas versões mais equipadas, teto de abrir.

Interior espaçoso e tecnológico

Todo o crescimento no exterior tem uma grande influência no habitáculo que é agora superior ao da segunda geração. Assim, a Toyota indica que a bagageira cresce dos 168 litros para os 231 litros, enquanto a habitabilidade é maior, principalmente em largura. Para além disso, a Toyota também aposta forte no equipamento. O habitáculo é munido de um ecrã central que pode ter 7 ou 9 polegadas, mediante o nível de equipamento, onde são transmitidas as informações do sistema de infotainment Toyota Smart Connect. Este tem conectividade ao smartphone via Apple CarPlay ou Android Auto. O painel de instrumentos conjuga o analógico com um ecrã digital ao centro. De referir que, primeira vez no Aygo, a Toyota vai oferecer o sistema áudio premium da JBL disponível nas versões mais equipadas.

Gama sem versões híbridas

A Toyota é conhecida pelas motorizações híbridas disponíveis em toda a gama, contudo, no Aygo X adotaram uma filosofia diferente. De forma a ter um preço competitivo, a marca nipónica adota uma motorização a combustão, acompanhada somente por um sistema mild hybrid. Falamos do três cilindros de 1.0 litros atmosférico que debita 72 cv e 93 Nm de binário. Este pode estar acoplado à transmissão manual de cinco velocidades ou S-CVT (o S significa “Small”). Longe de ser um desportivo, nem o quer ser, tem potência suficiente para acelerar dos 0 aos 100 km/h em 15,5 segundos (15,6 segundos com caixa manual) e tem uma velocidade máxima de 160 km/h.

Por fim, o novo Toyota Aygo X deverá chegar ao mercado na primavera de 2022. Porém, antes do lançamento os clientes vão ter uma versão especial de lançamento denominada “Limited Edition”, que adota uma decoração específica e mais equipamento (versão das fotos).

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)