Novo Toyota Yaris – proposta de argumentos reforçados

By on 8 Abril, 2017

Diesel, gasolina ou híbrido? O novo Yaris já chegou ao mercado nacional e com motorizações para todos os gostos. O AutoSport esteve presente na apresentação europeia do novo modelo e dá-lhe a conhecer as novidades e primeiras impressões…

YARIS_MC_STATICS_01

A Holanda foi o palco escolhido para a revelação da quarta geração do Yaris, atualmente o modelo Toyota mais vendido na Europa. As expectativas são por isso elevadas ao encaramos uma nova atualização, principalmente quando confrontados com dois ‘detalhes’: o investimento de 90 milhões de euros nesta nova versão; e os mais de 900 novos componentes.

YARIS_MC_DYNAMICS_01

De corpo revisto

No desenvolvimento da atual versão, a Toyota centrou-se em melhorar o design; conforto e comportamento; e a segurança. No âmbito estético, a marca pretendeu atribuir um cunho mais atlético e dinâmico à carroçaria: 3945 mm de comprimento; 1695 mm de largura; 1510 mm altura; 2510 distância entre eixos.

YARIS_MC_DETAILS_02

A frente foi redesenhada – contando, à semelhança da traseira, com uma arquitetura em formato ‘Catamaran’ – com secções largas a fluírem para baixo dos novos grupos óticos que incorporam uma nova assinatura luminosa extensível à traseira, também com faróis, para-choques e tampa da bagageira renovados. Na lateral os flancos ganharam contornos mais prenunciados. Em suma, um conjunto de imagem mais definida, transmitindo maior carácter.

YARIS_MC_DETAILS_09_1

No interior, e mediante as versões, as novidades centram-se no ecrã TFT multifunções; sistema de conectividade Toyota Touch 2; volante com inserções em Piano Black; acabamento cromado a emoldurar os mostradores; novas saídas de ar condicionado; iluminação digital em azul claro; novos interruptores; revestimentos dos bancos e cores do tablier bem como da zona quartela da porta; jantes de 15”, com tampão de roda prateado ou raios múltiplos, a 16”, com acabamento maquinado.

YARIS_MC_STATICS_05_1

Motorizações

Em Portugal são três as motorizações disponíveis: 1.4 D-4D; 1.0 VVT-i; e 1.5 HSD. Esta última opção foi alvo de particular atenção – sendo o Yaris a única proposta híbrida do segmento B – já que está de acordo com o caminho ecológico que as marcas, como a Toyota, tendem cada vez mais a seguir. Daí a adoção, em específico, de novos materiais insonorizantes; apoios de motor; eixos de transmissão; panela de escape; para-brisas acústico; afinação da direção assistida; panela de escape; subestrutura; amortecedores; e um restritor de rolamento de motor maior. O modelo híbrido incorpora também o sistema Driveco que permite ao condutor aceder aos seus registos de condução, mostrando os dados relativos ao tempo, distância e velocidades médias, a par das percentagens das viagens percorridas em modo totalmente elétrico.

Nota para o facto de o novo motor 1.5 litros a gasolina não vir a estar disponível em Portugal – o volume de vendas do existente 1.33 litros é residual – tendo sido descontinuado – e por isso a Toyota entendeu não se justificar a comercialização de um bloco que teria um preço necessariamente superior, em cerca de 800€, fruto da sua maior cilindrada.

YARIS_MC_DYNAMICS_02

Já os níveis de equipamento das várias motorizações dividem-se entre Active, Comfort, Comfort+Pack Style e Exclusive (Pack Techno e Luxury em opção). Há ainda o Square Collection que terá o mesmo custo do Exclusive no lançamento, específico da versão híbrida e aquele que a Toyota acredita que, pelas suas características, venha a ter maior procura, dotando o Yaris de um laivo mais jovial e sofisticado: pintura exterior de dois tons – vermelho nebula; azul tokyo (já disponíveis); bronze platina, a partir de junho; e branco glaciar, de agosto (o segundo tom é sempre dado pelo tejadilho e alguns apontamentos a preto na carroçaria); interior específico; spoiler traseiro; e vidros escurecidos.

TOYOTA_YARIS_Bitone_3

Segurança para todos

Focada na segurança, a marca nipónica dotou todas as versões da gama com o Toyota Safety Sense de série, que inclui: sistema de segurança pré-colisão com travagem autónoma de emergência; luzes de máximos automáticas; sistema de aviso de mudança de faixa de rodagem, desde que equipado com mostrador multi-informações TFT, sistema de reconhecimento de sinais de trânsito; os cintos de segurança traseiros agora com limitadores de força e pré-tensores; os apoios de cabeça redesenhados com melhor proteção contra lesões provocadas pelo “efeito de chicote”; airbags revistos; e a instalação da cadeiras de criança foi facilitada com ajustes no sistema de ancoragem Isofix e na rotulagem.

Blue1

Ao volante

Em mãos tivemos a motorização híbrida e a de gasolina. No caso da primeira, o Yaris apresenta-se vocacionado para uma condução citadina. Equipado com caixa automática, a resposta é progressiva e algo demorada a uma solicitação mais efetiva, adequando-se melhor a ritmos ponderados, focados na gestão de consumos – autonomia de 2 km em modo elétrico; a bateria recarrega-se em situações de travagem e desaceleração; e arranca ou faz marcha atrás sempre nesta opção. Não sendo o objetivo, o teste permitiu-nos antever consumos na casa dos 5l/100 km. Com o motor 1.0 o carro ‘parece outro’. Mais vivo e ágil, o prazer de condução floresce. Os consumos deverão ser próximos da versão híbrida, até porque o peso é inferior. De um a outro, as propostas permitem-nos uma cómoda utilização diária de pendor citadino.

YARIS_MC_DYNAMICS_04_1

Preços

Motor 1.0 VVT-i (3 cil.; cx. manual de 5; 69 cv)

Active 14.205€
Comfort 15.840€
Comfort + Pack Style 16.460€
Exclusive 17.750€

Motor 1.4 D-4D (4 cil.; cx. manual de 6; 90 cv);

Active 18.730€
Comfort 20.260€
Comfort + Pack Style 20.880€
Exclusive 23.200€

1.5 HSD (4cil. e-CVT; 100 cv – potência combinada)

Active 18.670€
Comfort 19.300€
Comfot + Pack Style 19.920€
Exclusive 21.035€
Square Collection 21.730€

Nota: com a atual campanha de lançamento o Pack Style será oferecido na versão Comfort, com o Comfort + Pack Style a ter assim o preço da versão Comfort. Na motorização híbrida a versão Square Collection terá o mesmo preço da Exclusive

MOTOR 1.0 VVT-i 1.4 D-4D 1.5 HSD
Nº de cilindros 3 em linha 4 em linha 4 em linha
Mecanismo de válvulas 12 válvulas DOHC, VVT-i 8 válvulas SOHC 16 válvulas DOHC,VVT-i
Sistema de injeção Injeção Eletrónica de Combustível (EFI) Injeção Direta Common Rail Injeção Eletrónica de Combustível (EFI)
Cilindrada (cc) 998 1364 1497
Diâmetro x curso 71.0 x 84.0 73.0 x 81.5 75.0 x 84.7
Taxa de compressão 11.5:1 16.5:1 13.4:1
Potência máxima (CV(kW)/rpm) 69(51)/6.000 90(66)/3.800 100(74)/4.800§
Binário máximo (Nm/rpm) 95 / 4.300 205 / 1.400-2.800 111 / 3.600 – 4.400
Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)