O mais recente ‘one-off’ da casa de Maranello chama-se Ferrari SP51

By on 29 Setembro, 2022

Construído com base na arquitetura do 812 GTS, este novo Ferrari SP51 é o mais recente dos projetos especiais da marca, desenvolvidos sob o pedido específico de um cliente.

A Ferrari acaba de revelar o seu projeto especial mais recente, da série One-Off, desenvolvida segundo as especificações e desejos de um único cliente de Taiwan. O novo Ferrari SP51, como foi batizado, foi desenhado pelo Centro Stile Ferrari, sob a direção de Flavio Manzoni e utiliza a mesma arquitetura do Ferrari 812 GTS, nomeadamente o chassis e o motor. Ou seja, é um descapotável de dois lugares, com um motor V12 na frente e tração nas rodas traseiras.

As linhas do SP51 foram praticamente esculpidas no túnel de vento, deixando que a sua eficiência aerodinâmica fosse igual à do 812 GTS, mas com uma imagem ainda mais vincada de roadster. A cor da carroçaria é um novo Rosso Passionale de tripla camada, que foi desenvolvida especificamente para este modelo, sendo que esta ganha ainda mais destaque devido à presença da faixa longitudinal branca e azul, inspirada no lendário Ferrari 410 S de 1955.

As óticas dianteiras foram também criadas para este SP51, bem como as suas jantes, que incluem aletas em fibra de carbono em todos os raios. Na traseira, a linha superior em arco forma o spoiler traseiro, com os quatro elementos óticos na zona inferior do mesmo, dois de cada lado. Para ajudar na aerodinâmica (e no estilo), está presente um spoiler superior em fibra de carbono, mesmo atrás dos encostos de cabeça, criando uma imagem semelhante à de um Targa, sendo que esta asa se molda em torno das duas saliências traseiras aerodinâmicas como se as estivesse a proteger.

A configuração do habitáculo foi aquela em que o proprietário deste modelo mais esteve presente e onde todos os detalhes mencionados foram executados com o máximo de precisão. A cor predominante é o mesmo Rosso Passionale da carroçaria, mas totalmente em Alcantara. E depois, os mesmos tons branco e azul usados na faixa longitudinal da carroçaria, surgem também no túnel central do habitáculo e na faixa entre os assentos na zona traseira do habitáculo, bem como nas costuras do volante.

O cliente de Taiwan que encomendou este Ferrari SP51, já conta com uma fantástica coleção de modelos de Maranello, mas com este “One-Off”, tentou recriar uma espécie de interpretação moderna do primeiro V12 de posição dianteira da Ferrari com mais de 50 anos. Tenha conseguido ou não, o resultado é fantástico e se a condução for igual ou melhor que a do 812 GTS, terá então ajudado a criar uma verdadeira obra de arte.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)