Panamera E-Hybrid: Conheça as novas opções híbridas da Porsche
Porsche GT4 e-Performance mostra as suas capacidades no gelo (vídeo)

O mítico Porsche Carrera GT foi visto pela primeira vez há 20 anos

By on 12 Novembro, 2020

Quem diria que o Porsche Carrera GT já tinha 20 anos. Apesar do visual ainda bastante atual, o supercarro foi visto pela primeira vez em 2000 em Paris. Na altura ainda uma unidade de pré-produção, com Walter Röhrl ao volante, surpreendeu pelo visual marcante que o torna uma verdadeira lenda da marca alemã nos dias de hoje. Mais do que um supercarro, era o porta-estandarte da Porsche no que diz respeito a tecnologia.

Tudo isto acompanhado por um espantoso motor central V10 de 5.7 litros, derivado da Fórmula 1, acoplado a uma transmissão manual de seis velocidades. No total, o Carrera GT debita 612 cavalos de potência a umas extraordinárias 8400 rpm e 590 Nm de binário às 5750 rpm. Para a época era um dos veículos mais espetaculares e potentes, valores esses que são “banais” dentro dos supercarros da atualidade. Seja como for, é considerado um dos Porsche com melhor “banda sonora” proveniente do escape.

No que diz respeito a performance, é possível acelerar dos 0 aos 100 km/h em 3,9 segundos, enquanto a velocidade máxima é de 330 km/h. Após esta aparição no dia 28 de setembro de 2000 em Paris, a Porsche só lançou o Carrera GT em 2003 e, na altura, custava 452 690€ novo. A produção durou até 2007 e, no total, foram conhecidas 1270 unidades do supercarro. Não deixa de ser curioso como um carro criado para competição, mais precisamente para correr em Le Mans, se tornou num dos supercarros de estrada mais populares da Porsche. Que venham mais 20 anos.

Entretanto, conheça também cinco pontos altos do Porsche Carrera GT.

Fonte: Porsche AG

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)