Opel mostra gama de motores do novo Mokka

By on 2 Setembro, 2020

Depois de terem apresentado a variante elétrica do novo Mokka, a Opel revelou agora a gama de motores a combustão do SUV. Com alternativas Diesel e gasolina, o modelo foi desenvolvido sobre a plataforma CMP do grupo PSA. Começando pelas alternativas a gasolina, há apenas um bloco, 1.2 Turbo, porém, com dois níveis de potência: 100 cv e 205 Nm de binário e 130 cv e 230 Nm. O mais contido está associado à transmissão manual de seis velocidades, enquanto o segundo garante a mesma caixa manual, mas também uma automática de oito velocidades. Para quem quiser Diesel, a Opel também tem opções neste campo. Falamos do 1.5 Diesel que debita 110 cavalos e 250 Nm de binário.

Assim, as motorizações a combustão unem-se à variante elétrica já conhecida. De referir que a nível estético decidiram aproximar as duas vertentes, tal como já tinham feito com o Corsa e, por isso, podemos esperar um Mokka mais apelativo e com novos argumentos para atacar um segmento tão povoado. Curiosamente, o veículo das fotos está equipado com o nível de equipamento GS Line, o de cariz mais desportivo da marca alemã. No interior, o painel de instrumentos digital está interligado ao ecrã central (12 e 10 polegadas, respetivamente) num layout visto em cada vez mais veículos.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)