Os planos ‘elétricos’ da Audi para 2025

By on 9 Maio, 2018

O mundo está a mudar e a Audi está ciente disso. O futuro passa por carros elétricos, por muito que se continuem a evoluir os motores tradicionais a todos os níveis. Cada vez mais as marcas direcionam as agulhas para o desenvolvimento de carros elétricos. A marca dos quatro anéis não foge à regra. Nesse sentido, conheça os planos que estão na calha percorrendo a galeria em cima ou vendo os tópicos em baixo.

André Duarte

Fonte: Audi

O objetivo é claro, a Audi planeia que as vendas de modelos total ou parcialmente elétricos (inclui elétricos e híbridos plug-in), em 2025, ronde os 800.000 veículos;

A Audi quer que um terço dos seus clientes, a meio da próxima década, seja utilizador de um modelo elétrico (total ou parcial);

Para cumprir o desígnio a que se propõe, a marca irá, em meados da próxima década, disponibilizar uma versão elétrica ou híbrida plug-in em todas as suas gamas;

Este é um plano que assenta em áreas estratégicas como mobilidade autónoma, elétrica e digitalização. Para a sua concretização, até 2025 deverão ser investidos cerca de 40 biliões de euros;

Nas palavras de Rupert Stadler, presidente do Conselho de Administração da marca: “O nosso objetivo é revolucionar a mobilidade. Também na mobilidade elétrica queremos tornar-nos no número 1 entre os construtores premium – com total sustentabilidade para todas as utilizações, sem compromissos, qualidade de topo e prazer de condução para o consumidor. Com a nossa excelência tecnológica estamos (…) a elevar a mobilidade elétrica para o próximo nível.”

Na calha está o lançamento do Audi e-tron Sportback, em 2019, seguidos dos Audi e-tron GT e Audi Sport, ambos em 2020, ano em que está também previsto o lançamento de um modelo elétrico no segmento compacto premium;

Esta é uma meta ambiciosa, se pensarmos que em 2017 a venda total de veículos Audi em todo o mundo foi de 1,88 milhões, dos quais 16 mil híbridos plug-in;

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!