Parece um simples Ford Cortina, mas o capot esconde um “coração” japonês

By on 5 Janeiro, 2021

A primeira geração do Ford Cortina é um clássico muito apetecível entre os colecionadores, ainda mais se falarmos no mítico Lotus Cortina. Por outro lado, noutro continente, temos também um carro que deixou a sua marca na história da Honda. Falamos do S2000 um roadster que tinha uma performance incrível para a época em que foi lançado. Ambos não têm nada em comum, porém, um visionário decidiu retirar o famoso motor do S2000 e introduzi-lo num Ford Cortina MK1.

Esta unidade em particular é de 1965 e por fora aparenta estar totalmente de origem, como muitos apaixonados do mundo automóvel defendem que um clássico deve estar. Porém, ao levantar o capot não encontramos um bloco Ford, mas sim as letras VTEC. Falamos do quatro cilindros (F20C), um bloco motor capaz de “gritar” às 9000 rpm. Tudo isto é acompanhado por uma nova transmissão manual de seis velocidades e um LSD retirado de um Mazda RX-7. Ou seja, por fora temos a carroçaria mítica do Cortina, porém, a engenharia é japonesa. Este incremento de potência e atributos levou, igualmente, à alteração do sistema de travagens bem como da suspensão.

Por fim, este exemplar foi vendido recentemente através do site Bring A Trailer por 30 250 dólares (cerca de 24 643 euros) um valor que, para muitos, pode ser considerado elevado. No entanto, só demonstra que o trabalho realizado deve ter sido dispendioso.

Fonte: Bring A Trailer

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)