Porque razão o Mazda CX-30 não se chama CX-4, sabe? O AUTOMAIS explica

By on 8 Março, 2019

Num primeiro olhar, faz pouco sentido que um carro que fica entre o CX-3 e o CX-5 se chame CX-30, verdade? O problema é que já existe um CX-4…

Pois é, a Mazda acabou “tramada” pelo facto de vender alguns modelos apenas no mercado chinês e nesse mega espaço de vendas, a marca japonesa comercializa já um CX-4. Segundo confirmou um responsável da Mazda em declarações à revista Car&Driver, seria possível vender o carro na Europa como CX-4, mas isso acabaria por trazer confusão e por isso tiveram de seguir outro caminho. Qual foi esse caminho?

Olharam para a Mazda BT-50, exemplo de um modelo da cada japonesa que tem quatro caracteres alfanuméricos e decidiram colocar um zero no CX-3, nascendo assim o CX-30 como modelo compacto entre o CX-3 e o CX-5. Simples!

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)

Deixe um comentário

Please Login to comment