Porsche começou a fazer pistões 3D para o 911 GT2 RS e com isso ganhou 30 CV!

By on 15 Julho, 2020

Reclama a Porsche que os pistões impressos em 3D são mais leves e oferecem mais 30 CV de potência ao 911 GT2 RS.

A parceria entre a Porsche, a Mahle e a Trumpf, permitiu que a casa de Weissach utilize pó de metal puro e uma fusão a laser para criar os novos pistões para o bloco do 911 GT2 RS. 

O processo faz com que um raio laser aqueça e derreta o metal em pó que se vai agarrar ao molde da peça escolhida. Quer isto dizer que qualquer peça pode ser feita em impressão 3D depois de enviar os dados para um computador.

Graças a este processo, os novos pistões para o 911 GT2 são 10% mais leves que os forjados. Adicionalmente, as novas peças têm integrada uma conduta de refrigeração no corpo do pistão. 

Frank Ickenger, do departamento de desenvolvimento avançado da Porsche, graças a estes pistões foi possível aumentar as rotações do motor e assim o “boxer” biturbo de 3.8 litros passou de 690 para 720 CV.

Convirá dier que a Porsche está desde maio a imprimir em 3D as almofadas e as costas dos bancos do 911 e dos 718 Boxster/Cayman e que o departamento de carros clássicos da Porsche imprime cerca de 20 peças para alguns modelos como o 959. Desconhece-se quando é que a Porsche vai começar a vender modelos com motores equipados com pistões impressos.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)