Que futuro para a Magnetti Marelli?

By on 23 Agosto, 2018

No último ato público antes da sua morte, Sergio Marchionne apresentou o novo plano estratégico da Fiat Chrysler Automobiles (FCA) e reiterou a abertura do grupo italo americano em vender a Magnetti Marelli, mas só no caso de aparecer com um “cheque” suficientemente grande. Pouco tempo antes, a FCA tinha anunciado que tinha intenção de fazer um “spinoff” da Magnetti Marelli, distribuindo-a pelos acionistas no final do ano, tendo mesmo rejeitado algumas propostas de aquisição.

Colocado no lugar de Sergio Marchionne e em silêncio desde então, este será o primeiro grande teste á liderança de Mike Manley, o novo CEO do grupo FCA desde o dia 21 de julho.

Algumas fontes revelaram que a empresa de capital de risco KKR&Co, detentora de várias empresas do sector automóvel, está a negociar com a FCA a compra da Magnetti Marelli, através da Calsonic Kensei, empresa japonesa da mesma área pertença da KKR. Não há, ainda, conclusões, mas as mesmas fontes dizem que o negócio está longe de estar concretizado e que a FCA pode, ainda, optar pelo “spin off” e manter a Magnetti Marelli na sua esfera.

Convirá recordar que o negócio do “aftermarket” está avaliado em mais de 6 mil milhões de euros sendo uma atividade lucrativa e muito apetecível, sendo por isso pouco razoável que a FCA venda a Magnetti Marelli e não faça um “spin off”, retirando-a do grupo, mas deixando o controlo nas mãos dos acionistas do grupo, nomeadamente, a holding da família Agnelli, a Exor.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)