Rolls-Royce promete manter a imponente grelha na era elétrica

By on 4 Novembro, 2021

Apesar da grande maioria dos carros elétricos dispensar uma grelha, a Rolls-Royce vai manter este elemento de design.

O mercado automóvel está a ter um grande crescimento de carros elétricos e um dos elementos de design que mais os distingue das variantes a combustão é a ausência de uma grelha dianteira. Porém, parece que nem todas as marcas vão adotar esta filosofia. Segundo Torsten Muller-Otvos, CEO da Rolls-Royce, o primeiro veículo elétrico da marca, que será lançado em 2023, vai manter a imponente grelha dianteira. “Veja esse espaço. Não quero revelar nada, mas uma coisa que posso dizer é que será um verdadeiro Rolls-Royce. Merece a designação, será inigualável e os nossos clientes vão adorar. Em primeiro lugar, estamos a construir um Rolls-Royce e, em segundo lugar, é elétrico, não o contrário”, referiu o CEO à Autocar.

Perante estas declarações, podemos esperar não só a manutenção da grelha, mas também o “Spirit of Ecstasy” no capot, duas das principais características da marca de luxo britânica. De recordar que no fim de setembro a Rolls-Royce revelou as primeiras imagens do Spectre, o primeiro 100% elétrico da marca. Este vai recorrer a uma plataforma modular em alumínio conhecida por “Arquitetura do luxo”. Esta é usada nos atuais Phantom e Cullinan. “Foi criada [a plataforma] para formar as bases não apenas de diferentes modelos de motor a combustão, como o Cullinan ou o Ghost, mas também em modelos com motorizações completamente diferentes”, refere Torsten Müller-Ötvös, CEO da marca de luxo. Por outro lado, a Rolls-Royce não “levantou o véu” sobre as especificações da motorização.

Fonte: Autocar

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)