Sabe quais foram as datas chave para o sucesso da Dacia?

By on 19 Maio, 2020

A marca romena como hoje existe nunca esteve no pensamento dos responsáveis da Renault, que compraram a Dacia para estar presente em mercados emergentes.

Porém, a encomenda saiu melhor que o pensado e a Dacia é um sucesso no Velho Continente. 

A Dacia é uma marca que nasceu em 1966, na Roménia e que sempre esteve na sombra da Renault, tendo vendido muitos carros naquele país de leste, feitos com base, por exemplo, no Renault 12. Em 1999, estava moribunda, o resto é a história que contamos a seguir. São cinco as datas que foram chave para o desfecho que hoje todos conhecemos.

1999 – A compra

Este foi o ano em que a Renault acaba por comprar a moribunda Dacia, tendo como objetivo oferecer um dos automóveis mais baratos do mercado planetário em mercados emergentes. Dai ter quatro portas e três volumes e uma qualidade de construção abaixo da média.

2005 – A chegada do Logan, primeiro insucesso

Foi uma entrada com o pé esquerdo: os carros de três volumes são pouco valorizados na Europa, o estilo era feito a régua e esquadro e a qualidade básica, tal como o equipamento oferecido. Não foi muito bem sucedido.

2006 – Carrinha Logan, primeiro sucesso

Com o Logan MCV, uma carrinha feita com base no Logan, a conversa foi diferente e com uma silhueta mais agradável á vista e capacidade fantásticas em termos de espaço e bagageira, o Logan MCV tornou-se um sucesso. A sua versatilidade, facilidade de condução e fiabilidade, mudaram a imagem da marca romena.

2008 – Sandero refina a Dacia

O lançamento do Sandero trouxe outro lustro á marca e levou a casa romena para um patamar de vendas muito mais importante e ofereceu uma imagem de marca á Dacia. Inserido num segmento muito aguerrido, o Sandero foi encontrando o seu espaço, com preços contidos e uma facilidade que tinha adeptos. O estilo também evoluiu e quando a Dacia lançou o Sandero Stepway, foi uma ideia de sucesso, pois a imagem de SUV com as cavas das rodas protegidas e placas falsas de proteção á frente e atrºas, rimavam com o carro.

2010 – Duster veio agitar as águas

A entrada no mundo dos SUV era inevitável, mas para isso a Dacia tinha de abandonar os preços muito baixos. Mas a Renault arriscou e com um estilo musculado – as cavas das rodas são imensas! – e um aspeto de mini jipe, o Duster veio mudar a face da Dacia. E o carro já vai na segunda geração e continua a ser um enorme sucesso, ao oferecer motores diesel e gasolina fiáveis, tração integral para quem desejar e muito mais qualidade que anteriormente, continuando a ter um preço simpático e um equipamento completo. O carro é tamanho sucesso que em alguns mercados a Renault assume-o como seu, nomeadamente na América do Sul.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)