Saiba tudo sobre preços, equipamentos e condições de aquisição do novo Peugeot 208

By on 16 Outubro, 2019

Já lhe oferecemos o primeiro ensaio à versão a gasolina com o motor 1.2 Puretech, mais tarde poderá ler o primeiro ensaio à versão elétrica e, também, ao turbodiesel. Agora, fique a saber os preços e, também, as condições especiais que a Peugeot tem para adquirir o novo 208. Começamos pela versão elétrica.

O Peugeot e208 estará disponível a partir de 32.150 euros. Será o modelo com o equipamento Active. O e208 custa 33.350 euros com o equipamento Allure, 35.250 euros para o GT Line e, finalmente, 37.650 euros para o GT. O carro tem uma bateria com garantia de 8 anos ou 160 mil quilómetros para 70% da sua capacidade de carga. Quando a capacidade baixa dessa fasquia, dentro da garantia, a Peugeot troca a mesma.

Existem três modos de carga. Primeiro, o Wall Box, que assegura uma carga completa em 5h15m com tomada trifásica (11kW) e 7h30m com tomada monofásica (7,4 kW). A Peugeot oferece-lhe a WallBox se comprar um e208. Pode carregar o seu e208 numa tomada doméstica clássica ou tomada reforçada, mas ai a bateria só fica carregada após 16 horas. Finalmente, numa tomada pública dedicada, pode usar um carregador de 100 kW e carregar 80% da bateria em meros 30 minutos.

Se instalar a aplicação “My Peugeot” no seu smartphone, pode fazer carga diferida, programável através da aplicação. Pode também iniciar ou interromper a carga e, a qualquer momento, verificar o estado da carga.

Para o modelo elétrico, há uma ferramenta de planificação e organização de deslocações longas, através dos serviços Free2Move. Chama-se “Trip Planner” e permite, depois, enviar o percurso para o sistema de navegação.

O nível de equipamento Active, além do equipamento base do Like (6 airbags, ESP + sensor de pressão de pneus, luzes automáticas, Pack Safety Regulador/Limitador de velocidade, i-Cockpit, ar condicionado manual, vidros elétricos dianteiros, banco do condutor regulável em altura, rádio Bluetooth com ecrã tátil capacitivo de 5’’, 4 altifalantes e 1 tomada USB)oferece, ainda, reconhecimento de sinais de trânsito, luzes diurnas LED, grelha cromada brilhante, jantes 16” Plaka, inserções em carbono no tabliê, i-Cockpit de 3,5’’, volante compacto com comandos, retrovisores exteriores elétricos, vidros elétricos dianteiros sequenciais e antientalamento, rádio Bluetooth com ecrã tátil capacitivo de 7’’, 6 altifalantes e 1 tomada USB, seletor eco/sport, travão de estacionamento elétrico, ar condicionado monozona, arranque mãos-livres, carregador de bordo de 7,4 kW monofásico com modo cabo de alimentação 2 e tomada de carregamento T2, 4 tomadas USB (2 à frete + 2 atrás).

Já o nível Allure, além de tudo aquilo que está no Active, destaca ainda o seletor modo eco na caixa manual e eco/sport na caixa automática, travão de estacionamento elétrico, ajuda ao estacionamento traseiro, limpa-vidros automático,i-Cockpit 3D, jantes de liga leve Elborn, luzes traseiras LED, ar condicionado monozona, arranque mãos-livres, espaço de arrumação para smartphone, retrovisores exteriores com rebatimento elétrico, retrovisor interior electrocromático, vidros dianteiros e traseiros elétricos e antientalamento, bancos em tecido Cozy e couro (TEP), Peugeot Connect SOS & Assistance, rádio Bluetooth com ecrã tátil capacitivo de 7’’ e 6 altifalantes.

O GT-Line disponibiliza Faróis “Peugeot Full LED Technology” com comutação automática das luzes, ajuda ao estacionamento dianteiro, câmara de marcha-atrás (Visio Park 1), jantes de liga leve 17” Candem, retrovisor interior electrocromático sem moldura, faróis traseiros escurecidos, grelha frontal especifica GT Line com decorações na cor da carroçaria, personalização da iluminação interior, pedais em alumínio, volante compacto em couro perfurado GT Line, vidros escurecidos (laterais e traseiro), rádio Bluetooth com ecrã tátil capacitivo de 7’’ e 6 altifalantes, 4 tomadas USB (2 à frente + 2 atrás).

Finalmente, o nível de topo GT, oferece uma lista de equipamento verdadeiramente completa e exclusiva desta versão elétrica. Destacamos o sistema ativo de vigilância do ângulo morto, jantesde liga leve 17” Shaw, grelha frontal especifica GT na cor da carroçaria, acesso e arranque mãos-livres, Bancos em Alcantara e Couro (TEP) com pespontos Azul Moyen e Verde Adamite, navegação conectada com ecrã tátil 10″, 6 altifalantes e 4 tomadas USB (2 à frente + 2 atrás).

Pode comprar o e-208 com uma entrada de 3.700 euros e uma mensalidade de 380 euros/mês para a versão Active, 399 euros/mês para o Allure, 429 euros/mês para o GT Line e 464 euros/mês para o GT.

No que toca à gama térmica (motores de combustão interna), o Peugeot 208 será oferecido em quatro níveis de equipamento – Like, Active, Allure e GT Line – com dois motores, o 1.2 Puretech com 75, 100 e 130 CV e o 1.5 BlueHDI com 100 CV. O bloco a gasolina com 100 CV tem opção da caixa automática de 8 velocidades, o motort de 130 CV só tem caixa automática. O turbodiesel oferece a caixa manual de seis velocidades.

Quanto a preços, arrancam nos 16.700 euros do Like, seguem-se os 17.600 euros do Active, os 20.800 euros do Allure e os 22.750 euros do GT Line.

Para os clientes particulares, a Peugeot oferece o 208 1.2 Puretech 75 CV Like com um crédito de 129€/mês com uma entrada de 3.700 euros. Para o 208 1.2 Puretech 75 Active, terá de gastar mais 16€ por mês (145 euros). Se optar pelo 208 1.2 Puretech 100 Active, a prestação mensal será de 160 euros por mês, o 208 1.2 Puretech 100 Allure custa, por mês, 185 euros, o 208 1.2 Puretech 100 GT Line custa 210 euros/mês. E em todos estes casos, a Peugeot oferece a manutenção total e a extensão da garantia.

Quanto aos conteúdos dos diversos níveis de equipamento, destacamos no nível de acesso Like, 6 airbags, ESP + sensor de pressão de pneus, luzes automáticas, Pack Safety, Regulador/Limitador de velocidade, i-Cockpit, ar condicionado manual, vidros elétricos dianteiros, banco do condutor regulável em altura, rádio Bluetooth com ecrã tátil capacitivo de 5’’, 4 altifalantes e 1 tomada USB.

Quanto ao Active, destacamos o reconhecimento de sinais de trânsito, luzes diurnas LED, grelha cromada brilhante, jantes 16” Plaka, inserções em carbono no tabliê, i-Cockpit de 3,5’’, volante em couro, retrovisores exteriores elétricos, vidros elétricos dianteiros sequenciais e antientalamento, Mirror Screen, rádio Bluetooth com ecrã tátil capacitivo de 7’’, 6 altifalantes e 1 tomada USB.

O coração da gama do 208 estará no Allure, que acrescenta ao nível Active, seletor modo eco na caixa manual e eco/sport na caixa automática, travão de estacionamento elétrico, ajuda ao estacionamento traseiro, limpa-vidros automático, jantes de liga leve 16” Soho, i-Cockpit 3D, ar condicionado monozona, arranque mãos-livres, espaço de arrumação para smartphone, retrovisores exteriores com rebatimento elétrico, vidros dianteiros e traseiros elétricos e antientalamento, bancos em tecido Cozy e couro (TEP), Peugeot Connect SOS & Assistance, rádio Bluetooth com ecrã tátil capacitivo de 7’’ e 6 altifalantes.

O equipamento de topo é o GT Line que adiciona a tudo o que oferece o Allure, faróis full LED com comutação automática das luzes, ajuda ao estacionamento dianteiro, câmara de marcha-atrás (Visio Park 1), jantes de liga leve 17” Candem, faróis traseiros escurecidos, grelha frontal especifica GT Line com decorações na cor da carroçaria, personalização da iluminação interior, pedais em alumínio, revestimento do teto em preto Mistral, soleira da porta da frente em Inox, volante compacto em couro perfurado GT Line, vidros escurecidos (laterais e traseiro), rádio Bluetooth com ecrã tátil capacitivo de 7’’ e 6 altifalantes, 4 tomadas USB (2 à frente + 2 atrás). 

Destacar, ainda, o sistema Drive Assist que abre a porta á condução semi autónoma, ao oferecer regulador de velocidade adaptativo com função Stop & Go com a caixa automática e programação da distância entre veículos. Em trânsito compacto, o veículo retoma a marcha automaticamente se a paragem for inferior a 3 segundos. Caso contrário, para ativar a função, basta um ligeiro toque no pedal do acelerador ou na extremidade inferior do comando, colocado sob o volante. A função está ativa a partir dos 0 km/h. Com a função 30 km/h disponível com caixa manual, após uma travagem e redução de velocidade até abaixo dos 30 km/h, o regulador entra em pausa, possibilitando ao condutor recuperar o controlo, acionar a embraiagem e travar até à total imobilização do veículo.

Há, também, ajuda à manutenção da posição na faixa de rodagem, cabendo ao condutor a escolha da posição na via (associado ao ACC Stop & Go), o “Full Park Assist”com função de perímetro Flankguard (com caixa automática). O sistema assume automaticamente a gestão da direção, aceleração e travagem para entrar e sair de um lugar de estacionamento. A travagem automática de emergência de última geração (com deteção diurna e noturna de peões e ciclistas, de 5 km/h a 140 km/h) e alerta de risco de colisão,alerta ativo de transposição involuntária de faixa (ou do limite desta) com correção de trajetória a partir dos 65 km/h,alerta de atenção do condutor (deteta o estado de alerta do condutor em períodos de condução mais longos e a velocidades superiores a 65 km/h, recorrendo à análise dos micro-movimentos do volante), comutação automática das luzes de circulação,reconhecimento dos sinais de velocidade e de recomendação,reconhecimento alargado de sinais de trânsito (stop, sentido proibido),sistema ativo de vigilância de ângulo morto (com correção de trajetória). Esta função está disponível a partir dos 12 km/h. Finalmente, travão de estacionamento elétrico.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)