Novitec eleva o Ferrari 296 GTB: potência, desempenho e estilo
Ferrari: uma história de família

Segundo formato de carroçaria do Ferrari Roma chega no momento perfeito

By on 17 Março, 2023

Depois do Coupé, o Ferrari Roma passa agora a contar com o formato Spider, um descapotável de quatro lugares que mantém a elegância do primeiro, mas será uma escolha incrível para o momento do ano que se aproxima.

A Ferrari dá continuidade à sua Dolce Vita com a apresentação do novo Roma Spider, a versão descapotável deste modelo, que estreia um inovador sistema de tejadilho retrátil em lona com cinco camadas, capaz de oferecer o mesmo conforto acústico de uma solução rígida e que pode ser aberto ou fechado em 13,5 segundos até uma velocidade de 60 km/h. 54 anos depois de ter apresentado o Ferrari 365 GTS4, a marca de Maranello volta assim a utilizar uma capota de lona num modelo de motor dianteiro.

As linhas apaixonantes do Ferrari Roma mantêm-se praticamente inalteradas da cintura para baixo, mas com o novo Spider, a presença da capota de lona também lhe confere um visual mais clássico e elegante, como alguns dos modelos mais clássicos da marca. Além disso, esta solução também faz com que o espaço na bagageira não seja muito afetado devido ao seu tamanho mais reduzido. Assim que a capota é aberta, o defletor de vento pode ser elevado através de um comando existente na consola central.

De resto, continua a estar presente o motor V8 de 620 cavalos da Ferrari, capaz de oferecer uma melodia muito cativante e que agora até se pode ouvir de uma forma mais clara quando se circula com a capota aberta. Em termos de prestações, a Ferrari anuncia uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em 3,4 segundos e uma velocidade máxima acima dos 320 km/h.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)