Terá sido este o primeiro dos BMW M destinados a circular em estrada?

By on 12 Setembro, 2022

Naquele mundo dos automóveis usados em que, por vezes, se encontram algumas raridades dignas de registo, surgiu recentemente aquele que poderá ter muito bem sido o primeiro dos BMW M.

O primeiro automóvel desenvolvido pela BMW M com o objetivo de ser vendido ao público foi apresentado no Salão de Paris de 1978. O BMW M1 tinha um motor central e linhas pouco comuns para a marca, ficando para sempre conhecido como o primeiro de todos, depois dos 3.0 CSL usados em competição.

No entanto, dois anos antes, em 1976, a BMW da África do Sul criou uma versão específica do Série 5 para o seu mercado com as cores da BMW Motorsport, diversas melhorias mecânicas e dinâmicas e chamou-lhe BMW 530 MLE, sendo que esta sigla se traduzia por Motorsport Limited Edition.

Em meados dos anos 70, a BMW South Africa quis entrar no mundo da competição, na categoria de ‘Modified Production’, pelo que retirava chassis do BMW 525 da fábrica de Rosslyn, em Pretoria, para os converter nesta edição especial, por questões de homologação. No total, foram produzidas pouco mais de 100 unidades, sendo hoje muito raras.

Uma delas, está atualmente disponível para venda no Duke of London, uma empresa especializada na comercialização de modelos mais raros e com uma grande procura. Esta unidade, com a carroçaria pintada de branco e com a decoração da M, está num estado de conservação muito cuidado, uma vez que foi alvo de um restauro completo há pouco tempo. A sua chegada ao Reino Unido aconteceu depois de um colecionador britânico da marca ter encontrado esta unidade na África do Sul em 2020, com um proprietário que já o tinha há diversos anos.

Para os maiores apaixonados pela marca, este será certamente um dos modelos mais históricos, ficando sempre por confirmar se terá sido o primeiro dos M. Para conhecer mais detalhes sobre esta unidade, este é o link para a página da Duke of London.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)