Tesla envolvida em mais processos sem fim á vista

By on 5 Novembro, 2018

Arrumada a questão entre a “Securities and Exchange Commission” (SEC), a CMVM dos americanos, sobre os “twitts” de Elon Musk que geraram desconforto entre os acionistas e à SEC, eis que a Tesla volta a estar sob o fogo daquela instituição.

Segundo a Reuters, a tesla confirmou que recebeu uma intimação da SEC devido às projeções de produção do novo Model 3 em 2017. Mais um processo que torna a expor a tendência da Tesla em prometer muito e cumprir pouco, o que tem criado alguns dissabores.

Quando foi, finalmente, lançado o Model 3 em 2017, a Tesla mostrou-se imediatamente muito otimista no acelerar da produção do modelo. No terceiro trimestre de 2017, a Tesla anunciava que “o Model 3 foi desenhado para facilitar a produção, pelo que é um carro simples de construir.” O que está longe de ser absolutamente verdade, pois a Tesla já veio dizer que algumas dificuldades estão na base de um atraso imenso na produção. Na época, a Tesla reagiu em comunicado referindo que “esperamos neste momento alcançar uma produção média de 5 mil unidades por semana do Model 3 o mais tardar no primeiro trimestre de 2018.”

Otimista, esta previsão foi reajustada no quarto trimestre de 2017, quando a Tesla anunciou que “estamos a tentar alcançar o número de 2500 unidades no primeiro trimestre de 2018 e depois cinco mil a partir do segundo trimestre.” Uma diferença assinalável que teve impacto nos mercados bolsistas e, por isso mesmo, a SEC decidiu, uma vez mais, intervir.

Sabe-se que os acionistas da Tesla entraram com um processo em tribunal a propósito do Model 3. O processo diz que a Tesla violou as regras federais de boa governança com falsas declarações sobre a produção do Model 3, com depoimentos que induziram em erro os acionistas e o mercado a propósito da produção do Model 3. O processo principal foi, mais tarde, retirado, mas votou a ser reanimado recentemente. Quanto ao processo da SEC, a tesla opõe-se a ele e considera que não tem mérito, afirmando que se vai defender até o caso ser arquivado.

Deixe um comentário

Please Login to comment