Stellantis registou patente para recriar sons e sensações dos motores de combustão interna
Tendências do mercado automóvel da UE: Automóveis elétricos e híbridos ganham impulso em janeiro

Vendas de carros elétricos permanecem baixas nos segmentos que mais vendem

By on 11 Fevereiro, 2024

A venda de carros elétricos na Europa permanece curta nos segmentos mais baixos por causa do preço que é ainda muito mais alto do que um carro equivalente a combustão. Há outras, mas esta é a principal razão…
Apesar da luta equilibrada, o Tesla Model Y foi o modelo mais vendido em 2023, com cerca de mais 19.000 carros vendidos que o Dacia Sandero. Mas esta é a exceção, pois a venda dos veículos elétricos, enquanto não houver modelos baratos o suficiente para as compras em massa, serão os carros a combustão, ainda que híbridos a levar vantagem.
A penetração de vendas elétricas no segmento dos pequenos SUV elétricos mais vendidos foi de 5,6% no ano passado, enquanto apenas 1,7% dos SUV compactos vendidos no ano passado tinham um sistema de propulsão a bateria. No segmento dos automóveis pequenos, apenas 5,4% das vendas foram elétricas.
Os segmentos mais pequenos são muito mais difíceis de eletrificar devido ao custo da bateria e a uma cobertura de mercado mais regional que reduz as economias de escala.
Até à data, os fabricantes de automóveis chineses têm-se revelado melhores a conseguir as reduções de custos necessárias para tornar os veículos elétricos acessíveis nos segmentos mais pequenos e mais sensíveis ao preço.
No ano passado, o MG4 foi o modelo totalmente elétrico mais vendido no segmento dos compactos, enquanto o BYD Atto 3 conquistou esse título no segmento dos SUV compactos.
Este ano, os fabricantes de automóveis estabelecidos lançarão os principais automóveis elétricos nos maiores segmentos tradicionais da Europa, numa tentativa de contrariar o crescimento chinês.
No segmento dos SUV compactos, as estreias de veículos elétricos este ano incluem o Renault Scenic E-Tech, a versão elétrica do novo Peugeot 3008, o Kia EV5 e o Ford Explorer.
No segmento dos pequenos veículos, a Citroen lançará o económico e-C3, enquanto a Renault está a preparar o pequeno veículo elétrico de inspiração retro R5.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)