Volkswagen Taigo traz um novo formato de carroçaria ao seu segmento

By on 16 Fevereiro, 2022

Com a vontade de trazer algo de novo para uma categoria de modelos que já começa a não oferecer muitas surpresas, o novo Taigo aposta fortemente num estilo de carroçaria mais elegante, num segmento em que este formato ainda não existe. A plataforma é a mesma (MQB) que já conhecemos de modelos como o Polo ou o T-Cross, mas as linhas mais aproximadas às de um Coupé, deixam este novo Taigo com um visual mais original.

Projetado como um modelo global, o novo Volkswagen Taigo é comercializado em 28 países europeus, mas também na África do Sul e na Turquia. E no Brasil, também podemos ver o Taigo em circulação, mas daquele lado do oceano é mais conhecido por Nivus e inclui alguns detalhes específicos para o mercado brasileiro.

Por cá, as linhas que o aproximam dos restantes modelos da marca são bastante claras, destacando-se a barra horizontal em LED na grelha dianteira que podemos ver nas opções mais equipadas. E nem sequer falta um sistema de iluminação inteligente com um sistema d matriz. Na parte de trás, a moldura escura e a iluminação também se prolongam por toda a largura da carroçaria, mas sempre com um visual mais moderno e estilizado face a outros modelos que já conhecemos, como o T-Cross, por exemplo. A versão que inclui o visual mais desportivo é a R-Line, com para-choques específicos e jantes que podem chegar às 18 polegadas de diâmetro.

Com menos de 4,3 metros de comprimento e 1,75 metros de largura, o novo Taigo compensa com os mais de 2,5 metros na distância entre eixos e na altura acima do metro e meio para conseguir um habitáculo mais espaçoso e indicado para cinco pessoas. Na frente, quem vai ao volante recebe um painel de instrumentos totalmente digital, mas também a melhor vista para o monitor central existente no topo da consola central, que é onde encontramos o sistema de infotainment online de última geração (MIB3).

Consoante os níveis de equipamento (Life, Style e R-Line), o novo modelo da marca pode incluir jantes entre 16 e 18 polegadas. A gama de cores tem oito opções disponíveis: Cinzento Ascot, Branco Pure, Prata Reflex, Cinzento Smoke, Azul Reef, Vermelho Kings, Verde Visual e Preto Deep, sendo que para todas as opções, a Volkswagen ainda propõe, em opção, o pacote Roof. Este inclui o tejadilho pintado em Preto Deep, mas também os vidros traseiros escurecidos e as capas dos espelhos no mesmo tom.

A gama de motores para o mercado nacional inclui apenas motorizações a gasolina. Duas contam com a presença do bloco de três cilindros com um litro de capacidade, variando apenas na potência de 95 ou 110 cavalos e a terceira inclui o motor de quatro cilindros com 1,5 litros e 150 cavalos de potência, disponível apenas com uma caixa DSG de sete relações.

Em termos de preços, os valores da gama Taigo começam nos 23.526 euros da versão Life equipada com o motor 1.0 TSI de 95 cavalos. A versão de 110 cavalos custa mais cerca de 1500 euros e para a caixa DSG ainda necessário adicionar mais 1700 euros. No topo da oferta está a versão R-Line equipada com o motor 1.5 TSI de 150 cavalos e caixa DSG por 34.476 euros.

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)