Volvo continua a acelerar a transição para um mundo automóvel eletrificado

By on 25 Novembro, 2022

Durante a COP27, que se realizou recentemente no Egipto, a Volvo anunciou algumas das suas recentes medidas, que comprovam o seu compromisso em acelerar a transição energética para um mundo eletrificado e sustenável.

A Volvo foi uma das muitas empresas que marcou presença na COP27, a ‘Conferência para as Alterações Climáticas das Nações Unidas’, que se realizou recentemente no Egito. E mais uma vez demonstrou que é uma das que está completamente determinada em fazer algo de diferente, mudando toda a sua estrutura em função disso e até a sua gama de modelos, que começou com a apresentação do EX90 há duas semanas.

Durante o evento, o construtor sueco anunciou que será um dos membros fundadores da Accelerating to Zero Coalition, mas também que acabou de se juntar a diversas outras empresas ao assinar o apelo da We Mean Business Coalition. E para finalizar, durante um painel de discussão organizado pela marca, o seu diretor de sustentabilidade Anders Kärrberg também anunciou que a empresa está a apoiar a iniciativa Call on Carbon.

“Os motores de combustão são tecnologia do passado e temos de os abandonar se quisermos enfrentar a maior ameaça da humanidade – as alterações climáticas”.

Jim Rowan, CEO da Volvo Cars

A Accelerating to Zero Coalition é formada por um grupo abrangente de intervenientes empenhados em aumentar o ritmo da transição para a mobilidade com emissões zero e tem como base a Declaração de Glasgow sobre Veículos com Emissões Zero redigida o ano transato na COP26. Na altura, os signatários comprometeram-se a trabalhar no sentido de tornar as suas vendas mundiais livres de emissões de gases de escape até 2040, e o mais tardar até 2035 nos principais mercados (Europa, China, Japão e EUA).

A coligação pretende criar uma plataforma internacional de colaboração, para ajudar a criar as condições adequadas para impulsionar os veículos com emissões zero (como por exemplo através da eletrificação das frotas das empresas e do desenvolvimento de uma infraestrutura de carregamento abrangente).

Paralelamente, a Volvo Cars juntou-se a mais de 200 empresas e organizações da sociedade civil para assinar um apelo, organizado pela We Mean Business Coalition, dirigido aos governos nacionais para aumentarem a sua ambição climática e a concretização dos seus objetivos.

Até agora, apenas 29 dos 194 países o fizeram após a COP26, apesar de se terem comprometido ao abrigo do Pacto Climático de Glasgow. O apelo deixa claro que 1,5 graus de aquecimento global é um limite e não uma meta, e que uma ação nacional urgente é essencial se o mundo não quiser ultrapassar este limite.

Adicionalmente, durante um painel de discussão organizado pela Volvo Cars, o seu diretor de sustentabilidade Anders Kärrberg também anunciou que a empresa está a apoiar a iniciativa Call on Carbon. Esta iniciativa, a que também se juntam a Inter IKEA, H&M Group, SSAB Swedish Steel, entre outros, visa incentivar os governos a introduzir um quadro político eficaz para a fixação de preços de carbono.

“Reconhecemos o papel que o preço do carbono tem na ajuda à luta contra as alterações climáticas. Ao anunciar o nosso próprio preço interno de carbono de 1.000 SEK por cada tonelada de emissões de carbono na COP26, tornamo-nos no primeiro fabricante de automóveis a implementar um mecanismo global de fixação de preços de carbono, cobrindo toda a nossa cadeia de valor. Isto pode tanto acrescentar estabilidade aos investidores, como apoiar uma transição justa para os trabalhadores e para os agricultores, famílias e comunidades que serão afetadas como resultado de tais mudanças.

Ao subscrever o Call on Carbon, estamos, mais uma vez, a demonstrar a nossa vontade de contribuir para conduzir toda a indústria rumo a um futuro mais sustentável. Temos de trabalhar urgentemente para permanecermos dentro do limite de 1,5 graus de aquecimento global.”

Anders Kärrberg, Diretor de Sustentabilidade da Volvo Cars
Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)