VW equaciona vender a Lamborghini

By on 14 Outubro, 2019

Segundo a imprensa alemã, a Volkswagen está a ponderar opções para a Lamborghini.

Entre essas opções pode estar um “spin off” como a FCA fez com a Ferrari ou a venda total da marca italiana. Esta situação coloca-se, pois, o grupo Volkswagen está a provocar profundas alterações na sua estrutura para tentar mais que duplicar o valor da empresa, antecipando-se, assim, ao “tsunami” que, segundo os observadores, se vai abater sobre a indústria automóvel.

Assim, em termos de opções, está em cima da mesa a venda pura e simples ou um “spin off” da casa de Sant’Agata Bolognese. Não há ainda decisões tomadas, mas sabe-se que Herbert Diess, CEO do grupo VW, está focado na expansão das principais marcas do grupo. São elas a Volkswagen, Porsche e Audi, canalizando recursos de forma mais eficiente e sem redundâncias ou duplicação de esforços.

Com o alargar da sua base de clientes graças ao lançamento do Urus, já o carro mais vendido da marca, a Lamborghini adicionou valor e, neste momento, está avaliada em mais de 11 mil milhões de euros. Com esta valorização, a casa italiana está em condições de ser vendida através de uma oferta publica de venda (OPA).

Convirá lembrar que os investidores do grupo VW há muito que clamam pela libertação de ativos cujos valor esteja subavaliado por estarem dentro de uma estrutura que abraça tudo, dos carros aos comerciais, dos desportivos aos carros de luxo, dos hipercarros às motos. E todos olham, claramente, para o “spin off” da Ferrari que desde então já se valorizou acima dos 30 mi milhões de euros.

O veterano CEO do grupo VW está determinado em fazer crescer o valor de mercado para a Volkswagen para lá dos 200 mil milhões de euros, um aumento de 200% face aos atuais 80 mil milhões de euros que vale atualmente.

Para já, a Volkswagen prepara tudo para a Lamborghini passar a ser uma entidade legal própria, algo que vai ficar pronto até final do ano. A venda ou o “spin off” fica para mais tarde.

Entretanto, o grupo Volkswagen veio dizer que não tem planos para a venda ou para uma oferta pública de venda da Lamborghini. Segundo um porta voz, são infundadas as notícias de uma venda ou um “spin off” da casa italiana. Porém, não foi desmentido nada daquilo que a Reuters anunciou e não desmentiu as palavras de Herbert Diess, que afirmou “a necessidade de rever o portfólio de marcas do grupo.” Veremos se onde há fumo… há fogo!

Ensaios: consulte os testes aos novos carros feitos pelos jornalistas do Auto+ (Clique AQUI)
Fichas Auto+: consulte as informações técnicas de todos os modelos à venda em Portugal (Clique AQUI)
Pesquisa: procure todos os modelos que pretende através do motor de Pesquisa Auto+ (Clique AQUI)